15 dezembro 2006

E o Pedro Caroço?


Eu estava na casa da minha Amiga, era madrugada e ela me ajudava a separar as - literalmente - centenas de provas que eu ainda teria que corrigir. Estava lá pra poder "alugar" o micro, já que sou uma mulher-sem-computador.Como
costume, depois de horas de trabalho forçado, as pessoas surtam, e nós somos feras em surtar.
Daniel já estava dormindo a sono solto, na frente da tv e a nossa conversa girava em torno de banalidades, em um momento, Amiga começa :
- Tem um monte de gente que diz que agora se faz música porcaria, mas tinha tanto lixo quando a gente era criança, adolescente....né?
- nossa, menudo...."não se reprimaaa...."...eu odiava aquilo.
- eu também! tuuuudo boiola, eu olhava e pensava : "que bundinha é aquela? que moleque- menina...mais menina que eu, credo!"

- risadas
- risadas
- tinha muito lixo mesmo, lembra disso, lembra daquilo?
- e aqulo? blabalabl....
- risadas
- "ele tá de olho na bottttiiiiiique dela...."
- risadas
- sabe o que eu não lembro? Não lembro o que o Pedro Caroço fez....
-?????
- sabe? (cantando desafinada) "Pedro Caroço....nananannanana......ele tá de olho na boutiiiiiique dela!"
-( rindo sem fôlego)...eu não me lembrava....de nenhum....Pedro Caroço...
- Não acredito...tinha aquele cara que cantava, lembra? com bigodinho e dançava assim....
O Pedro Caroço tinha feito alguma coisa...mas eu não lembro....
- ( engasgando) você sabe que vou colocar no blog, né? não é promessa...é ameaça!!!

*******

Outra Amiga me deixou super contente: me disse que a "culpa" da sua tese era minha. Eu não sabia, mas eu tinha falado tanto sobre um tema X, que ela decidiu optar por ele no doutorado. Uia, que chiquerrima.Só não consigo mexer uma linha na minha dissertação, mas tudo bem....
Fiz ela jurar que me daria um lindo agradecimento. Adoro agradecimento de tese, ai, adoro. Principalmente quando é pra mim, lógico.
( É isso é pra VOCÊ mesmo, Amigo que Não Comenta, nunca vou te perdoar aquele agradecimento xulé que você fez pra mim!....hahahah)
Bom, essa amiiga me garantiu também que seu sonho de consumo era dar aulas em um orfanato. - por que, fulana?
- pra nuuuuuunca mais aguentar reunião de pais!!!
Só quem teve que fazer cara de ipê roxo pra pai e mãe maluco entende.
Porque eles brigam na sala de reunião, brigam entre eles, levantam a voz, contam minúcias. Os doidos, claro.
Eu posso dizer que tive sorte, fiquei até amiga de algumas pessoas, pra valer mesmo. Quando aparece gente interessante, é um prato cheio.

***********
Amigo Leitor Desse Blog Que Nunca Comenta, me afirmou:
- você reclama que tem muita prova pra corrigir: prova é que nem coelho, se deixar junto procria...você tem que separar macho de fêmea....

6 comentários:

  1. Anônimo9:09 PM

    mas tá é inspirada! adoro ver esses múltiplos textos.

    ResponderExcluir
  2. Tati, eu tô com um bom motivo pra ficar suuuuuper inspirada...ahhahaahh

    ResponderExcluir
  3. Anônimo7:19 PM

    E o que o Pedro Caroco fez, alem de estar de olho na Severina Chic Chic, que comprou uma botique para a vida melhorar?

    ResponderExcluir
  4. Vc sabe que a teoria da prova/coelho eh boa?
    :o)

    ResponderExcluir
  5. Anônimo...essa é a questão> o que o Pedro Caroço fez?????

    ResponderExcluir
  6. Frou, é genial...rs

    ResponderExcluir

Queridinho, entre e fique à vontade: