27 junho 2007

Vixe, eu sou a Malu Mulher!


Eu era garota e via essa socióloga, mãe e divorciada, descabelada, cheia de chiquérrimos problemas. Não, não tem a menor lógica, mas eu achava aqueles problemas tão chiques...vejam vocês.Sério mesmo, achava tão peculiar, tão feminista, tão tudo.
Outro dia, conversando com uma amiga, tive essa sacada fatal: " eu queria ser a Malu Mulher e agora sou."Cara, só tem um nó nessa questão...agora não quero mais.
Tenho que pensar em outros personagem pra enfiar super ego adentro e fazer isso virar realidade.
Vocês tem alguma boa sugestão?

38 comentários:

  1. Vivien, me perdi no seu blog hoje...
    Preciso estudar mas ta difícil... Quando estou quase indo embora caio em um texto que me leva a outro, que tem link para outro e etc.. Entrei em loop...Bjos!

    ResponderExcluir
  2. Babs, adoro esses caminhos bloguísticos.;0)

    ResponderExcluir
  3. Eu acho mais complicado pensar em onde enfiar aquela samabaia enorrrrrrme.

    ResponderExcluir
  4. podia ser pior - na época, eu tinha uma coleguinha de colégio que imitava a Regina Duarte fazendo a Malu o dia inteirinho. Era um saco, ela tinha 15 anos e falava e se comportava como uma divorciada de 30.
    Pelo menos você só virou Malu agora e consegue fazer a crítica.

    ResponderExcluir
  5. Urubua, kkkkkkkkkkkk.....sem comentários.

    ResponderExcluir
  6. Acho que este foi um dos primeiros programas que abordaram a situação da mulher, pelo menos no Brasil.

    ResponderExcluir
  7. Xena,a Rainha das Selvas?
    Viuva POrcina?
    Mulher Maravilha?
    O Louro José?

    ResponderExcluir
  8. Algum personagem de filme do Frank Capra? Ou daqueles filmes água-com-açúcar???

    Não repara não, é que sempre adoro finaiz cor-de-rosa, rsrsrsrs...

    Beijão!!!!

    ResponderExcluir
  9. Dona Flor e seus dois maridos. Os dois vivos, evidentemente!
    ;o)

    ResponderExcluir
  10. Vivien, eu acabei de ver os DVDs, a malu é super bicho-grilo, tem uma sala cheia de posters e discos de vinil e , ainda por cima, uma samabaia chorona enorme, que cai de uma estante super lotada...aquilo sempre me distraia, nem conseguia prestar atenção na história...rs

    ResponderExcluir
  11. Eu me lembro do Malu Mulher, era um programa que refletia as conquistas e anseios das mulheres à aquela época, lembro-me que minha mãe assistia. Quem fazia a filha dela era a Narjara Tureta (adoro esse nome).

    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Anônimo6:24 AM

    kkkkkkkkkkkk

    Contemporânea!
    Já pensei nisso tanbém!

    Elisabete cunha

    ResponderExcluir
  13. Menina de Deus, aqui tá chique demais...como os problemas de Malu Mulher!
    adorei a sacação!
    Eu também num quero mais. Ser o persomgem que escolhi que nem sei quem é ...rs
    beijo grande

    ResponderExcluir
  14. Oi, querida!!!

    Deixei coisa procê lá no meu blog, depois de uma passada por lá, ok???

    beijão!!!

    ResponderExcluir
  15. Vivinha,
    sempre avançada no tempo.Na leitura, na música, no comportamento.
    Bjs
    Mamãe

    ResponderExcluir
  16. Lino, me lembro de minha avó horrorizada por ver aborto ser discutido na tv.;0)

    ResponderExcluir
  17. Lady A., só não tenhjo a juba...sou uma escraaaava da chapinha...heheheh

    ResponderExcluir
  18. Tati, ahahhaha.....Mulher Maravilha com chicotinho...ahhahah

    ResponderExcluir
  19. Luciana, eu também...Daniel sempre tirra sarro, mas adooooro.;0)

    ResponderExcluir
  20. frou, o problema são os maridos da d. Flor....os dois juntos, não dão meio manco!!!!
    ;0)

    ResponderExcluir
  21. Andrea.....to rindo até agora...rsrs
    Na minha sala não tem vinil, nem poster, nem samambaia.;0)

    ResponderExcluir
  22. Tiago, os temas tratados eram muito intensos e eu achava tudo o máximo.

    ResponderExcluir
  23. Elisabete, vc também é Malu????;0)

    ResponderExcluir
  24. Cynhtia!!! saudades de vc.;0)
    Eu quero ser outro personagem, pensa aí comigo...

    ResponderExcluir
  25. Luciana, tô correndo pra lá.

    ResponderExcluir
  26. Mãe coruja.;0) beijos.

    ResponderExcluir
  27. Cara... essa Malu se espalhou por aí. Minha mãe bem que tentou ser ela, mas não deu... agora a gente é Malu na marra, mesmo quando não tá divorciada... saco!

    ResponderExcluir
  28. Claudia, as versões de Malu? malucasada, malusolteira...rs
    beijos.

    ResponderExcluir
  29. Ola vivien...
    sou malu mulher h� anos...
    separada duas vezes, duas filhas, muitos problemas e crises existenciais, chego aos meus mais de 50 aninhos querendo ser sabe quem:????
    rsss
    A mulher os Antenor cavalcanti......rsss
    quero feriasssssssssssssss
    quero motorista particularrrrrrrrr
    odeio (???!!!) essa minha �ndole de ser mulher que ca�a com os lobos, filha do vento, dona do proprio nariz....
    ah... , mentira! N�o trocaria minha vida sen�o por um bilhete premiado da mega sena! rsssss
    bjos

    ResponderExcluir
  30. Vivien querida, as vezes a vida nos impõe situações.
    O importante é saber tirar proveito do que já vimos, estamos sempre aprendendo, e se conseguirmos acertar, vendo os erros dos outros, muito melhor.
    Quem sabe vc não é hoje a Malu, melhorada, não repetindo erros que vc viu nela?
    Beijos meu bem.

    ResponderExcluir
  31. Vivien, você e todas as mulheres que assistiam a série.
    A música do Ivan Lins, letra do Victor Martins(meu colega de trabalho à época) era ótima!
    Valeu!(tô nostálgico mesmo)
    Beijo, menina

    ResponderExcluir
  32. Marília. às vezes penso assim também...rsrsr...beijos.

    ResponderExcluir
  33. Ana, essa é uma forma bacana de encarar.;0)
    beijos.

    ResponderExcluir
  34. Valter, conta essa história de ser colega do letrista, rapá.;0)

    ResponderExcluir
  35. O pior né nem o aborto...é o fato de a Escrava Isaura fazê-lo...rs

    ResponderExcluir
  36. andrea, vixe, isso eu não lembro..! beijos.

    ResponderExcluir

Queridinho, entre e fique à vontade: