09 junho 2007

Era uma casa muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada



Pela primeira vez fui em uma Campinas Decor. Fui acompanhando minha mãe, que é designer de interiores e entende do riscado. Eu não entendo. Pé direito, pra mim, é aquele que fica do lado do esquerdo. Toseto eu descobri há meses, quando me mudei.


Acho esse universo criativo do arquiteto e do designer um mundo à parte, uma confraria de pessoas que entendem de espaços e texturas. Eu me embanano toda pra me localizar dentro da minha própria cidade.


Acho que por isso sempre admirei os arquitetos. Meu irmão Ricardo, que é arquiteto e lindo, consegue se localizar e transitar em lugares que nunca foi. Cara, inteligência espacial é o máximo.


Quem não tem, como eu, acha que é pura bruxaria.


Votando a Decor. Meu Deus, como sou pobre. Já falei aqui uma vez, quase tive uma síncope quando vi um stand da H.Stern em um hotel que fiquei, em Salvador. Rapá, dessa vez fiquei sem ar: ambientes tão fantásticos, tão longe do meu cotidiano, que me senti uma criança na Disney.


Claro que alguns eram não-bonitos ( porque chamar de "feio" ali não dá...) , mas grande parte era sensacional.


A biblioteca era um ovo, confesso que me decepcionei. Mas os outros ambientes eram tudibom.


Em um dos ambientes havia uma narrativa de lenda japonesa e a possibilidade dos visitantes escreverem pedidos e pendura-los - fechados, claro - para serem queimados depois, uma espécie de árvore de pedidos. Sei lá se seguirão realmente essa tradição, ou se simplesmente irão jgar tudo fora, mas como não me aguento quando vejo uma macumbinha legal, lá fui eu escrever meus pedidos.


Um deles estava aberto, me queimem, mas eu li. Uma letrinha redonda de criança dizia "quero ser bonito, rico, ter dois filhos e um cachorro labrador". Uia, que bonitinho.


Engraçado também ver o público, nunca consigo não reparar nas pessoas, já disse isso aqui. Mulheres bonitas, gays hiper cheirosos, maridos dando vexame ( "olha só, Márcia, viu o tamanho dessa varanda??? metade da nossa casa...risadas.....ih, o que é esse negocinho aqui???") , velhinhas, crianças ( qual deles teria escrito o bilhete?).


Deve ser bom ser rico. Minha casa, minúscula diante daquele monumento, ainda me parece linda e inigualável. Mas eu queria ter grana. Deve ser bom demais da conta.


Ah, estou concorrendo a uma viagem a NY, se eu ganhar, escreverei mais uns posts deslumbrados como esse.

25 comentários:

  1. Vivien,
    Normal. Quando vou a shopping sinto-me exatamente assim. Por isso não vou.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  2. Oi, Vivien!!!

    Só hoje estou podendo retribuir à sua visita ao meu blog... ando com muito pouco tempo para a internet, infelizmente, então hoje resolvi tirar o dia para fazer um pouco de preguiça e conhecer, visitar, ler. Também adoro esse universo da net, através dela conheci muita gente do BEM, e até oportunidade legal de trabalho já me surgiu. Muita gente eu consegui "materializar", outros ainda não, mas nem por isso essas pessoas são menos queridas.

    Acho que é isso, por enquanto. Vou linkar você lá no meu canto pra não me perder (e antes que meu cérebro que anda fritinho da silva de tanto trabalho me faça esquecer)

    Ah, vou ficar na torcida para que saia a sua viagem a NY!!!

    beijão!!!

    ResponderExcluir
  3. mas claro que a biblioteca é pequena - desde quando quem perde tempo lendo tem grana pra comprar essas maravilhas?

    ResponderExcluir
  4. Eu também sou encantado com o ofício da arquitetura, meu segundo vestibular foi para este curso, à época não passei, depois acabei desencanando.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Vivien

    Tenho escutado muito as pessoas falarem do 'Segrêdo' e hoje recebi por e-mail. Se queres ser rica e tudo o mais que sonhares, vais conseguir se seguires o conselho do 'segrêdo'.
    Vou te mandar por e-mail,mas precisas de tempo e paciência para ler.Fica a teu critério fazê-lo.

    Se seguires e enriqueceres por isso, faz uma prece por mim.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Vivien, sou tão sem noção espacial que me é difícil apontar pro meu próprio nariz. Mas, vou te dizer uma coisa, sua mãe é chique demais, né não? Escreve aquelas histórias deliciosas e ainda é designer de interiores?!?!? Que lindo!!!

    ResponderExcluir
  7. Vi, obrigado pelas palavras de carinho, sei que vai passar...ja passou outras vezes...amei o texto, me fez rir .Com certeza a sua casa nao e pequena...pois se ela for do tamnaho do seu coraçao ela e imensa.
    beijinhos carinhosos cheios de energia positiva do outro lado do oceano

    Adriana

    ResponderExcluir
  8. Um cara fez muito sucesso com sua "Inteligência Espacial": Pelé :-))
    Acho que é por isso que os seres humanos se especializam hoje em dia. Não dá mais pra ser um "Leonardo" ou um "Galileu". O conhecimento humano não cabe mais numa cabeça só. Precisa especializar.

    ResponderExcluir
  9. Valter, eu vou. Sempre serei uma pobretona deslumbrada....ahhhah...beijos.

    ResponderExcluir
  10. Luciana, que bom que vc apareceu...eu tinha comentado sobre seu blog e não sabia como voltar.Já está na minha lista.;0)
    bj.

    ResponderExcluir
  11. Urubua da Silva: eu adoro quando vc comenta aqui, sempre mordaz na medida..hahahahahah

    ResponderExcluir
  12. Tiago, eu jamais tentaria, seria um desastre! beijão.

    ResponderExcluir
  13. Rosamaria, olha que coisa: várias pessoas me falaram desse dvd e eu queri amesmo ver, manda sim!!!! beijos.

    ResponderExcluir
  14. Cláudia, vou fazer umas fotos dos ambientes que minha mãe criou ( tipo antes de depois) na casa dela. Meu quarto de solteira virou um super banheiro....por ex....rs
    Só que ela fica brava porque quando ela começa com as quebradeiras de parede eu surto...rsrrsrs

    ResponderExcluir
  15. Dri, querida, vamos fazer diferente dessa vez - quando vc viera ao Brasil - vamos fazer programas caseiros.(alguns pelo menos...rs)
    beijos e saudades.

    ResponderExcluir
  16. Skip, acertou em cheio...o ideal do homem renascentista é impossível atualmente.Volte sempre.;0)

    ResponderExcluir
  17. Eu gosto muito de decoração, Vivien, decorar a minha casa tem sido uma longa actividade que me dá muito prazer.Demorei 6 anos a encontrar o toalheiro certo para um quarto de banho, heheh. Mas isso não me importa.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  18. Vivien, sou fissurada (ainda se usa essa gíria?) pelo Escher, não poderias ter escolhido ilustração melhor para este texto pândego (ih, hoje eu tô horrível, dentro do baú!).
    bj
    maristela

    ResponderExcluir
  19. Fernanda, procurar faz parte da brincadeira.;0)

    ResponderExcluir
  20. Maristela, tb adoro Erscher.;0)
    Coloquei gravuras dele em outros posts, beijos.

    ResponderExcluir
  21. pois é, agora nóis num se perde mais, kakakakaka

    ResponderExcluir
  22. Vivien, quando eu morava 'no campo' (hehehehe) eu até tentava decorar a casa 'de acordo', mas meus cachorros, que sempre mandaram na casa, não comcordavam comigo e acabavam destruindo tudo. Já tive compulsão por revista de decoração e inclusive já tive acessos de pintar parede eu mesma (e depois ver a cara de tristeza do André, porque a cor era medonha depois de seca). Morro de curiosidade de ir a esses eventos!

    ResponderExcluir
  23. Vivinha,
    A Decor está realmente muito linda,maravilhosa,como já falamos, mas os materiais usados como tendência para 2007/2008 (muito espelho, fibras, madeiras, aço,
    material sintético, etc...),já foi largamente utilizado por arquitetos e designer, não ví nada inovador.
    Agradeço a Claudia, pelo carinho.
    Bjs
    Mamãe

    ResponderExcluir
  24. Carol, foi tudo novidade pra mim...adorei.;0)

    ResponderExcluir
  25. Mãe, eu não saberia localizar o que é inovador....rs

    ResponderExcluir

Queridinho, entre e fique à vontade: