13 agosto 2007

Amor, meu grande amor I








Quem vem aqui ler, já sabe, mas sempre é bom repetir.
Eu amo o meu filho.

26 comentários:

  1. Linmdo texto, deve ter sido uma noite daquelas. Como tem Daniel nesse mundo: meu irmão mais novo tem esse nome e um primo que é um grande amigo também. Aliás, nem posso falar, pois Tiago também é uma praga na face da terra, pelo menos na minha geração.

    Agora o trabalho sobre anarquismo deve ter sido bacana hein? Tens isso em arquivo digital?

    Beijos e curta seu filhão.

    ResponderExcluir
  2. É a melhor coisa do mundo!! Tem um baixinho se matando de rir, agora, lá embaixo, com um programa besta de TV, com a cachorrinha esparramada na cama... E eu aqui, rindo das gargalhadas.

    Quer melhor cena??

    Beijo, mãe!

    ResponderExcluir
  3. Bravo.
    Eu também amo os meus.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  4. Ainda bem, né????? :-)))

    Como isso é bom!!!

    Beijocas, finalmente o speedy me deixou voltar, eeeeeeeee!!!!

    ResponderExcluir
  5. Tiago, todos os Danieis são lindos...hahah
    Estudei vários temas relacionados ao anarquismo durante a graduação e em pesquisas posteriores, mas acabei enveredando por outra linha de pesquisa.;0)
    Mas se o tema te interessa, a unicamp tem um dos melhores arquivos do mundo sobre imprensa anarquista ( está disponível na internet,..AEL- Unicamp)
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Anna, não é bom demais??

    ResponderExcluir
  7. Sandra, já até imaginei a cena...ahhahah

    ResponderExcluir
  8. Vivien

    É realmente a coisa mais maravilhosa que possa existir: ser mãe. E a dor, logo se esquece mesmo.
    Não cansa nunca repetir essas palavras pro teu filho.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  9. Rosamaria, eu digo todo dia.;0)

    ResponderExcluir
  10. Lu, bom ver vc de volta!!! beijos.

    ResponderExcluir
  11. Deve ser lindo poder ser mãe.

    Como você canta para ele?
    Assim?
    Amor, meu grande amor. chegue na hora marcada...

    Um grande beijinho!

    ResponderExcluir
  12. Carmencita, deveria cantar pra ele chegar e ficar quanto quiser...rs
    beijos.

    ResponderExcluir
  13. Isso é bom gosto, ora essa.

    ResponderExcluir
  14. Será que um dia eu vou poder dizer o mesmo? :*(

    ResponderExcluir
  15. Vivien, e quando são três e mais o neto? aí é diversão garantida ou seu dinheiro de volta!
    Beijo, menina

    ResponderExcluir
  16. Aproveita bem enquanto ele não cresce...hehehe

    ResponderExcluir
  17. Esse amor de mãe nos salva de muito sentimento ruim, de muito desejo corrosivo... só de lembrar que a gente tem motivo pra continuar de cabeça erguida, por nós e por nossos filhos... só isso já nos livra de muita coisa prejudicial.

    ResponderExcluir
  18. Vivi,
    estava com saudades do seu canto aqui, tão bonito e especial. Quanto ao seu Daniel, deve ser um lindo rapaz, o nome já é bonito demais. Eu ainda não tenho filhos, mas tenho um sobrinho de 25 anos que se chama Daniel e é um rapaz maravilhoso!!!Um beijo, Vivi Amorim.

    ResponderExcluir
  19. Jayme, super bom gosto...rs

    ResponderExcluir
  20. Ana, espero que sim..é bom demais.beijos.

    ResponderExcluir
  21. Valter, vou ser uma vozinha blogueira...ehhehe

    ResponderExcluir
  22. Andrea, sua monstra....rsrsrsr

    ResponderExcluir
  23. Claudia, só isso faz todos os problemas ficarem menores.;0)

    ResponderExcluir
  24. Vivi, volte sempre aqui na minha casaaaa....!;0)

    ResponderExcluir
  25. Vivinha,
    voce e mãezona mesmo,sabemos disso.
    Mas saiba também que aquele médico que segurou sua mão, eu o mandei lá, podes crer, a mente é poderosa.
    Bjs
    Mamãe

    ResponderExcluir
  26. Mãe, eu sei. Isso é bom!;0)

    ResponderExcluir

Queridinho, entre e fique à vontade: