04 março 2007

Em Joaquim Egídio


Daniel de boné virado no meu restaurante favorito. Almoçar em Joaquim, em um domingão, é uma das coisas que mais gosto de fazer.
Com boa companhia, nada melhor.

11 comentários:

  1. Enfim, o famoso Daniel :)

    ResponderExcluir
  2. Márcia, esse é o meu amor, meu grande amor.;0)

    ResponderExcluir
  3. Vivien,

    Se pudéssemos substituir Gabriel por Daniel, nesta canção (do disco "Amor de índio", do Beto Guedes), ficaria ideal:

    Gabriel
    Beto Guedes & Ronaldo Bastos


    É só de ninar
    E de desejar que a luz do nosso amor
    Matéria-prima dessa canção
    Fique a brilhar

    E é pra você
    E pra todo mundo que quer trazer, assim,
    A paz no coração
    Meu pequeno amor

    E de você me lembrar
    Toda vez que a vida mandar olhar pro céu
    Estrela da manhã
    Meu pequeno grande amor
    Que é você Gabriel
    Pra poder ser livre como a gente quis
    Quero te ver feliz

    Vi, finalmente, a carinha do Daniel...

    ResponderExcluir
  4. Acho qu'esta canção ficaria melhor no post em que ele era, ainda, bebê, por ser uma canção de ninar! Inverta as posições, então...

    ResponderExcluir
  5. Adriana3:03 AM

    Vi, esse prazer de rever o Daniel foi fantastica, fizeste um bom trabalho com ele, e um rapaz meigo, interessante, lindo e inteligente. Quem sera que ele puxou (bricadeirinha minha amiga).

    Um beijo grande prati e outro para o Daniel, seu grande amor do outro lado do oceano

    ResponderExcluir
  6. Clélia, perfeito como sempre.
    Esse é o Daniel!!!!...rs

    ResponderExcluir
  7. Dri, ele tb adorou vc.;0)
    Ele fez questão de te levar no restaurante japa que ele mais gosta.
    é meu neguinho-japones...rsrs

    ResponderExcluir
  8. Uma graça! Tem uma carinha ótima, do "bem"...

    ResponderExcluir
  9. Lindo, como sempre!!!
    :o)

    ResponderExcluir
  10. Clélia, super do bem.;0)

    ResponderExcluir
  11. Froum, vc é uma tia muito coruja...rs

    ResponderExcluir

Queridinho, entre e fique à vontade: